Papel dos probióticos na Diabetes: uma revisão da sua fundamentação e eficácia

Voreades N et al. A dieta e o desenvolvimento do microbioma intestinal humano. Microbiol Frontal. 2014;5:494.Sender R et al. Estamos mesmo em inferioridade numérica? Revisitando a proporção de bactérias para células hospedeiras em humanos. Celula. 2016;164(3):337-40.Salvetti s et al. Determinação rápida da secreção de vitamina B2 por bactérias que crescem em meios sólidos. J Appl Microbiol. 2003;95(6):1255-60.Larsson PG et al. O lactobacilli humano como complemento da clindamicina a doentes com vaginose bacteriana reduz a taxa de recorrência; um estudo de 6 meses, em dupla ocultação, randomizado, controlado com placebo. BMC Womens Health. 2008;8:3.Allen SJ et al. Cochrane Review: Probióticos para o tratamento da diarreia infecciosa aguda. Evid-Based Child Health Cochrane Rev J. 2011; 6(6):1894-2021.Ciprandi G et al. Bacillus clausii exerce actividade imuno-modulatória em indivíduos alérgicos: um estudo piloto. Eur Ann Allergy Clin Immunol. 2005;37(4):129-34.Currò D et al. Probióticos, fibras e medicamentos à base de plantas para doenças funcionais e inflamatórias do intestino. Br J Pharmacol. 2017;174(11):1426-49.Foster JA et al. Eixo Gut-cérebro: como o microbioma influencia a ansiedade e a depressão. Trends Neurosci. 2013; 36(5):305-12.Langdon A et al. The effects of antibiotics on the microbiome throughout development and alternative approaches for therapeutic modulation. Genoma Med. 2016;8(1):39.Tilg H, Moschen AR. Microbiota and diabetes: An evoluting relationship. Intestino. 2014;63(9):1513-21.Zhang YJ et al. Impacto das bactérias intestinais na saúde humana e nas doenças. Int J Mol Sci. 2015;16(4):7493-519.Musso G et al. Obesidade, diabetes e microbiota intestinal: a hipótese de higiene expandiu-se? Cuidados Com A Diabetes. 2010;33(10):2277-84.Jandhyala SM et al. Papel do microbiota intestinal normal. World J Gastroenterol. 2015; 21 (29):8787-803.Li C et al. Efeito dos probióticos nos perfis metabólicos na diabetes mellitus tipo 2: uma meta-análise de ensaios aleatorizados e controlados. Medicine (Baltimore). 2016; 95(26):e4088.Pedersen hk et al. Os micróbios intestinais humanos têm impacto no metabolismo sérico do hospedeiro e na sensibilidade à insulina. Natureza. 2016;535(7612):376-81.Qin J et al. Um estudo de associação metagenoma de microbiota intestinal na diabetes tipo 2. Natureza. 2012;490(7418):55-60.Carvalho BM, Saad MJ. Influência do microbiota intestinal na inflamação subclínica e resistência à insulina. Mediadores Inflamm. 2013;2013:986734.Halmos T, Suba I. padrões fisiológicos de microbiota intestinal. O papel da disbacteriose na obesidade, resistência à insulina, diabetes e síndrome metabólica. Orv Hetil. 2016;157(1):13-22. (Em Húngaro).Graham Mr et al. Obesidade e inflamação. Probióticos ou intervenção farmacêutica? Int J Rec Scientifi Res. 2015;6(4):3284-94.Fukui H. Aumento da permeabilidade intestinal e diminuição da função de barreira: influencia realmente o risco de inflamação? Inflamm Intest Dis. 2016;1:135-45.Polícia de Cani et al. As alterações na microbiota intestinal controlam a inflamação metabólica induzida pela endotoxemia, na obesidade induzida por uma dieta rica em gorduras e na diabetes em ratinhos. Diabetes. 2008;57(6):1470-81.Secondulfo M et al. Alterações da mucosa ultraestrutural e aumento da permeabilidade intestinal em doentes diabéticos tipo I não celíacos. Cava Liver Dis. 2004;36(1):35-45.Wells JM et al. Crosstalk epitelial na interface microbiota-mucosa. Proc Natl Acad Sci USA. 2011;108(Suppl 1): 4607-14.Amar J et al. Aderência e translocação da mucosa Intestinal das bactérias comensais no início precoce da diabetes tipo 2: mecanismos moleculares e tratamento probiótico. EMBO Mol Med. 2011;3(9):559-72.Polícia de Cani et al. A endotoxemia metabólica inicia obesidade e resistência à insulina. Diabetes. 2007;56(7):1761-72.Dray C et al. O Apelin estimula a utilização da glucose em ratinhos normais e obesos resistentes à insulina. Célula Metab. 2008; 8 (5):437-45.de La Serre CB et al. A propensão para a obesidade induzida por uma dieta rica em gorduras em ratos está associada a alterações no microbiota intestinal e inflamação intestinal. Fisiol Do Fígado. 2010; 299(2):G440-8.Kankaanpää PE et al. A influência dos ácidos gordos poli-insaturados no crescimento probiótico e na aderência. Memes Microbiol Lett. 2001;194(2):149-53.Geurts L et al. Alteração da microbiota intestinal e do tom do sistema endocanabinóide em ratinhos obesos e resistentes à leptina diabética: impacto na regulação do apelin no tecido adiposo. Microbiol Frontal. 2011;2:149.Muccioli GG et al. O sistema endocanabinóide liga o microbiota intestinal à adipogénese. Mol Syst Biol. 2010;6:392.Boulangé CL et al. Impacto do microbiota intestinal na inflamação, obesidade e doença metabólica. Genoma Med. 2016;8(1):42.Fijan S. Microorganisms with claimed probiotic properties: An overview of recent literature. Int J Environ Res Saúde Pública. 2014;11(5):4745-67.Hummel s et al. A focalização diferencial do complexo e-cadherina/β-catenina através de lactobacilos probióticos gram-positivos melhora a função da barreira epitelial. Appl Environ Microbiol. 2012;78(4):1140-7.Collado MC et al. Papel das estirpes probióticas comerciais contra a adesão do agente patogénico humano ao muco intestinal. Lett Appl Microbiol. 2007;45(4):454-60.Lau K et al. Inibição da diabetes tipo 1 correlacionada com um viés Th17 mediado por Lactobacillus johnsonii n. 6.2. J Imunol. 2011;186(6):3538-46.Andreasen AS et al. Efeitos do lactobacillus acidophilus NCFM na sensibilidade à insulina e na resposta inflamatória sistémica em indivíduos humanos. Br J Nutr. 2010;104(12):183-8.Yun SI et al. Efeito do lactobacillus gasseri BNR17 nos níveis de glucose no sangue e no peso corporal num modelo em ratinho de diabetes tipo 2. J Appl Microbiol. 2009;107(5):1681-6.Zhang Q et al. Efeito dos probióticos no metabolismo da glucose em doentes com diabetes mellitus tipo 2: Uma meta-análise de ensaios controlados aleatórios. Medicina (Kaunas). 2016;52(1):28-34.Sun J, compra o NJ. Efeitos dos probióticos na diabetes: uma meta-análise de ensaios aleatorizados, controlados com placebo. Br J Nutr. 2016; 115 (7):1167-77.Hu YM et al. Efeitos do suplemento probiótico em doentes com diabetes mellitus tipo 2: uma meta-análise de ensaios aleatorizados. Med Clin (Barc). 2017; 148 (8):362-70.Ma YY et al. Efeitos dos probióticos na doença do fígado gordo não-alcoólica: uma meta-análise. World J Gastroenterol. 2013; 19(40):6911-8.Yun KJ et al. Distribuição de resistência à insulina e valor-limite em coreanos a partir do 2008-2010; Korean National Health and Nutrition Examination Survey. PLoS Um. 2016; 11(4):e0154593.Ejtahed HS et al. O iogurte probiótico melhora o estado antioxidante em doentes diabéticos tipo 2. Nutricao. 2012;28(5):539-43.Mykhal’chyshyn HP et al. Efeito dos probióticos sobre o nível das citoquinas pró-inflamatórias em doentes com diabetes tipo 2 e doença hepática gorda não-alcoólica. Lik Sprava. 2013;(2):56-62.Asemi Z et al. Efeitos do consumo de alimentos sinbióticos no estado metabólico dos doentes diabéticos: Um ensaio clínico controlado aleatoriamente e com dupla ocultação. Clin Nutr. 2014;33(2):198-203.Moroti C et al. Efeito do consumo de um novo batido simbiótico nos níveis de glicemia e colesterol em idosos com diabetes mellitus tipo 2. Lipids Health Dis. 2012;11:29.Begley M et al. Actividade da hidrólise do sal biliar nos probióticos. Appl Environ Microbiol. 2006;72(3):1729-38.Luoto R et al. Impacto do aconselhamento dietético complementado com probiótico materno sobre o resultado da gravidez e o crescimento pré-natal e pós-natal: um estudo em dupla ocultação, controlado com placebo. Br J Nutr. 2010;103(12):1792-9.Mazloom Z et al. Efeito dos probióticos no perfil lipídico, controlo glicémico, acção da insulina, stress oxidativo e marcadores inflamatórios em doentes com diabetes tipo 2: um ensaio clínico. Iran J Med Sci. 2013;38(1):38-43.Tonucci LB et al. Aplicação clínica de probióticos na diabetes mellitus tipo 2: Um estudo aleatorizado, em dupla ocultação, controlado com placebo. Clin Nutr. 2017;36(1):85-92.Firouzi s et al. Efeito dos probióticos de várias estirpes (preparação de células microbianas de várias estirpes) no controlo glicémico e noutros resultados relacionados com a diabetes em pessoas com diabetes tipo 2: um ensaio controlado aleatorizado. EUR J Nutr. 2017;56(4):1535-50.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.